MAPA DO SITE ACESSIBILIDADE ALTO CONTRASTE
CEFET-MG

Apresentação

A Coordenadoria de Gênero, Relações Étnico-Raciais, Inclusão e Diversidades (CGRID) foi criada no ano de  2012 pela Resolução CD-049/12 do CEFET-MG e faz parte da Diretoria de Extensão e Desenvolvimento Comunitário (DEDC), do CEFET-MG.
Esta  Coordenadoria é responsável por três Núcleos, sendo eles:

•   Núcleo de Pesquisa e Estudos Afro-Brasileiros (NEAB)
•   Núcleo Sobre Estudos de Gênero e Diversidades (NEGED)
•   Núcleo de Atendimento a Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas        (NAPNE)
O NEAB e o NEGED promovem pesquisas e estudos sobre Relações Étnico-Raciais, Gênero e Diversidades. O NAPNE é responsável por acompanhar e oferecer apoio aos estudantes do CEFET-MG que possuem alguma deficiência ou necessidades educacionais específicas.

sinalizacao-cgrid-001

 

Os objetivos da Coordenadoria de Gênero, Relações Étnico-Raciais, Inclusão e Diversidades (CGRID) incluem:

  • Promover a articulação e coordenação de seus três núcleos, NEAB, NAPNE e NEGED;
  • Propor políticas, programas e projetos que promovam a inclusão educacional e a equidade em uma perspectiva de gênero, etnia e classe social;
  • Articular e/ou assessorar o desenvolvimento de ações propositivas e afirmativas para implementação de políticas de acesso e permanência de estudantes negros e indígenas no CEFET-MG;
  • Assegurar que discentes com necessidades educacionais específicas possam ser atendidos (as) e incluídos (as) institucionalmente, seja em sala de aula, laboratórios, ou atividades de pesquisa e extensão;
  • Atuar na perspectiva da consolidação de uma política de educação inclusiva no contexto escolar, por meio da disseminação de conceitos, experiências e da articulação dos diversos segmentos do CEFET-MG comprometidos com a  inclusão;
  • Desenvolver atividades, programas e projetos que tratem da temática das Relações de Gênero, Orientação Sexual e Educação das Relações Étnico-Raciais;
  • Registrar, monitorar, pesquisar, propor e até mesmo gerenciar iniciativas e ações institucionais referentes às ações afirmativas, relações de gênero e orientação sexual, inclusão educacional, sucesso acadêmico e realização educacional.